sábado, 27 de novembro de 2010

Lambível!

Porque o amor é uma doçura!



"Saboroso, macio, doce e divertido!"

Imagem Exclusiva do Caos no Rio

Todo mundo sabe que o Rio está de cabeça pra baixo com as cagadas que estão acontecendo lá. Mas existem imagens que as mídias não mostram, por serem fortes demais.

Logicamente, nosso interesse mórbido nos levou a procurar algo do gênero, e postar no Caverna. Portanto, se você realmente tem estômago forte, clique no link para ver uma imagem exclusiva do Caos no Rio.




Realmente, é algo perturbador!

Todo segundo conta.

Se alguém perguntar porque você gosta de corridas, é só mostrar esse vídeo.

Ragatanga em Ópera

Alguém pode me explicar QUE PORRA É ESSA?

O goleiro mais rápido do mundo


Sonic jogando bola!

domingo, 21 de novembro de 2010

Crianças, não usem drogas!

Ou você pode acabar matando a sua própria mãe e depois dar vexame na TV...


"Eu quero que você se foda, seu filho da puta!"

USB é Satan, Bluetooth é Jesus Cristo!

Um grupo no Brasil está proibindo seguidores de usarem USB baseados no design do símbolo.


O culto evangélico “Paz do Senhor Amado” do interior de SP proibe seus fiéis a usar toda e qualquer tecnologia USB, por alegar que a mesma use um simbolo que faz apologia ao demônio.

De acordo com seu fundador, o Apóstolo “Welder Saldanha” diz que isso é apenas mais um simbolo de satanás, estando sempre presente em todos os lares cristãos.

“O simbolo daquilo (nome que ele sequer gosta de pronunciar) é um tridente, que é usado para torturar almas que vão para o inferno. Usar um simbolo daqueles apenas mostra que todos usuários dessa pífia tecnologia são de fato, adoradores de satã” – Explica o “Apóstolo”.

As medidas tomadas foram para que todas as conexões USB de seus seguidores fossem trocadas por conexões comuns e até mesmo pelo Bluetooth (sic), que de acordo com Welder Saldanha é permitida, pois “Azul era a cor dos olhos de nosso salvador Jesus Cristo”.

PS: Linha de cópia = bobolhando >> Guardian >> tom´s GUIDE

PS2: O Bobagento estava certo.

sábado, 20 de novembro de 2010

Enquanto isso...


Em uma determinada festa universitária do interior de São Paulo....

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

RPG Simples e Barato! =D

Faz tempo que não faço posts rpgnerdísticos, então aqui vai um pra matar a saudade: um grupo de rpgistas brasileiros doidos tiveram a sacada genial de pegar elementos antigos dos bons rpgs do passado e criar um sistema quase totalmente baseado no roleplay.

As regras são simples e elegantes e lembra muito o primeiro Dungeons & Dragons. Mas claro, com uma mecânica bem mais funcional. E em homenagem ao seu inspirador, batizaram o sistema de Old Dragon.

Vale a pena, para quem gosta, dar uma conferida no material, que tem uma versão Fastplay gratuita. Confiram no site da Old Dragon.

25 Aeroportos para se visitar antes de morrer.

A graça é que você pode morrer ao visitá-los. Use este link para vê-los: AEROMORTOS

Para os Eletricistas...






quinta-feira, 11 de novembro de 2010

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Aprenda a vender muamba!

Acho que eu conheço alguém que poderia usar esse livro.



Não é, Comulot?

domingo, 7 de novembro de 2010

As maiores palavras da lingua portugesa

1. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico, que define uma pessoa acometida por uma doença pulmonar causada pela aspiração de cinzas vulcânicas, chamada pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose ou pneumoconiose. O vocábulo de 46 letras ganhou seu primeiro registro no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa (página 2242) em 2001.

2. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose é nome da doença cuja palavra para o portador ocupa o primeiro. Também chamada de pneumoconiose — forma resumida e atual — é causada pela aspiração de microscópicas partículas de cinzas vulcânicas. Inclusive, tal enfermidade é a maior palavra do inglês: pneumoultramicroscopicsilicovolcanoconiosis, com 45 letras, uma a menos que no português.

3. Hipopotomonstrosesquipedaliofobia é uma doença psicológica que se caracteriza pelo medo irracional (ou fobia) de pronunciar-se palavras grandes ou complicadas. Contém 33 letras.

4. Anticonstitucionalissimamente, com 29 letras, é a quarta maior palavra do nosso idioma. O maior advérbio da língua portuguesa descreve algo que é feito contra a constituição.

5. Oftalmotorrinolaringologista, o especialista em doenças dos olhos, ouvidos, nariz e garganta, ocupa o quinto lugar deste ranking, com 28 letras.

6. Inconstitucionalissimamente ocupa sexto lugar. O advérbio, com 27 letras, é sinônimo de anticonstitucionalissimamente. É tida geralmente como a mais longa palavra de língua portuguesa pelo Guinness Book of Records. Possui 27 letras e é um advérbio que designa o mais alto grau de inconstitucionalidade.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Diário de uma mulher ao volante

Essa aqui vai em homenagem a uma grande amiga e frequentadora do blog, bora ver se ela se manifesta nos comentários!


5 de Janeiro
Passei no exame de direção!
Posso agora dirigir o meu próprio carro, sem ter que ouvir as recomendações dos instrutores, sempre dizendo : "Não! Por aí é sentido proibido!", "Vamos sair da contra-mão!", "Olha a velhinha!", "Freia! Freia!", e outras coisas do gênero.
Nem sei como aguentei estes últimos dois anos e meio...



8 de Janeiro
A Auto-Escola fez uma festa de despedida para mim!
Fiquei muito emocionada! os instrutores nem sequer deram aulas!
Um deles disse que ia à missa... Juro que vi outro com lágrimas nos olhos e todos disseram que iam embebedar-se, para comemorar. Achei simpática a despedida, mas penso que a minha carteira não merecia tal exagero. Eles foram muito generosos!
Umas gracinhas mesmo!

12 de Janeiro
Comprei meu carro e, infelizmente, tive que deixá-lo na concessionária para substituir o para-choque traseiro pois, quando tentei sair, engatei marcha ré ao invés da primeira. Deve ser falta de prática! Também... há uma semana que não dirijo...

14 Janeiro
Já tenho o carro. Fiquei tão feliz ao sair da concessionária, que resolvi dar um passeio. Parece que muitos outros tiveram a mesma ideia, pois fui seguida por inúmeros automóveis, todos buzinando como num casamento. Para não parecer antipática, entrei na brincadeira e reduzi a velocidade de 10 para 5 km por hora. Os outros gostaram e buzinaram ainda mais. Foi muito legal...
22 Janeiro
Os meus vizinhos são impecáveis. Colocaram posters avisando em grandes letras "ATENÇÃO ÀS MANOBRAS" e marcaram, com tinta branca fluorescente, um lugar bem espaçoso para eu estacionar e, para minha segurança e conforto, proibiram os filhos de saírem à rua enquanto durassem as manobras. Penso que é tudo para não me perturbarem. Ainda há gente boa neste mundo.. .

10 de Fevereiro
Os outros motoristas tem hábitos estranhos. Além de acenarem muito, estão sempre gritando. Não escuto nada, por estar com os vidros fechados, mas parece que querem dar informações. Digo isto porque julgo ter percebido, através de leitura labial, um deles dizendo: "Vai para casa ". Não sei como ele adivinhou para onde eu ia! Acho isso espantoso. De qualquer modo, quando eu descobrir onde fica o botão que desce os vidros, vou tirar muitas dúvidas.

19 de Fevereiro
A Cidade é muito mal iluminada. Fiz hoje meu primeiro passeio noturno e tive de andar sempre com o farol alto aceso, para ver direito. Todos os motoristas com quem cruzei pareciam concordar comigo, pois também ligaram o farol alto e alguns chegaram mesmo a acender outros faróis que tinham. Só não entendi a razão das buzinadas. Talvez para espantar algum bicho. Sei lá.

26 de Fevereiro
Hoje me envolveram num acidente. Entrei numa rotatória e como tinha muito carro (não quero exagerar mas deviam ser, no mínimo, uns quatro!), não consegui sair. Fui dando voltas bem juntinho ao centro, à espera de uma oportunidade, de tal forma que acabei por ficar tonta e bati no monumento no centro da rotatória. Acho que deviam limitar a circulação nas rotatórias a um carro de cada vez.

5 de Março
Estou em maré de azar. Fui buscar o carro na oficina e, logo na saída, troquei os pés, acelerando fundo em vez de frear. Bati num carro que ia passando, amassando todo o lado direito. O motorista, por coincidência, era o inspetor que me aprovou no exame de direção. Um bom homem, sem dúvida. Insisti em dizer que a culpa era minha, mas ele educadamente, não parava de repetir para si mesmo: "É tudo minha culpa! É tudo minha culpa! Que Deus me perdoe!"

Da Série Anão Vestido de Palhaço Mata 8...



Onde é que esse mundo vai parar?!